Foco e 1% melhor a cada dia

Sempre me perguntei como mesmo sabendo e entendo que disciplina é uma chave de transformação e liberdade, em muitos momentos não conseguia sustentar meus compromissos internos.

Deixar de fazer o que eu tinha me comprometido seja por preguiça, procrastinação ou indisciplina, trazia o mesmo resultado de frustração, raiva e dívida de mim mesma e mesmo me dando conta da minha responsabilidade, simplesmente me boicotava das mais diversas formas. Os sabotadores que nos habitam são muito espertinhos, vêm disfarçados e cheios de razão. E sem perceber abria mão de compromissos fundamentais para o meu próprio progresso e deixava para fazer algumas coisas em cima da hora. Ficava cansada, estressada, sofria e me detonava internamente e logo estava eu no ciclo vicioso de enrolar a mim mesma, achando que estava no controle.

Comecei a estudar e procurar informações sobre como ser produtiva sem me sabotar, sobre como ser e fazer o melhor a cada dia, sobre como não procrastinar e nem ficar de mimimi interno. Existem muitos livros disponíveis e alguns coaches fantásticos como Bernardinho e Joel Jota e Chris Brites, que me ajudaram muito a entender como enfrentar meus sabotadores, colocar eles no lugar certo e firmar na disciplina. Além destas pessoas que citei tem tantos outros como Tony Robins, Brendom Burchard e o autor do livro Atomic Habbits – James Clear, que me inspiraram a encontrar uma forma que funcionasse para mim, para que eu não desistisse no meio do caminho e deixasse de fazer o que tinha me comprometido.

Pode parecer que seja mais simples, como ter firmeza, ser rigorosa e disciplinada. Mas na verdade para ter consistência nas ações, tomar decisões e fazer escolhas assertivas envolve um universo inteiro de autoconhecimento, consciência e paciência. E minha relação com a paciência nunca foi muito amigável. Era muito imediatista e ansiosa. Hoje com muito trabalho interno, atenção e sintonização entre pensamentos, palavras e ações, estou bem melhor. Consigo inclusive, alcançar resultados e me orgulhar da minha determinação, foco e disciplina.

Existe um ditado que diz: “Há disciplinas que libertam e liberdades que escravizam.” Entender o que isso quer dizer, integrar este saber na vida, realmente é transformador. Na dúvida é importante se perguntar: Quem está no controle da situação, se é você ou seus impulsos inconscientes? Quem controla sua mente?

Esse exercício constante de escolher, decidir e traçar metas e estratégias com atenção é uma prática exigente. Às vezes não damos conta por que no meio do dia, muitas demandas que não estavam previstas chegam e são urgentes ou nos tomam um bom tempo. Nessas horas é preciso ser flexível, encontrar um equilíbrio e procurar não ser intransigente com você. Afinal de contas, você deve ser seu melhor parceiro de aventuras!

Nesta busca pela autodisciplina, pela minha melhor versão a cada dia, encontrei um conceito que me ajudou bastante. O importante é não parar e manter em foco melhorar 1% a cada dia. Esse era um dos meus erros. Decidia e queria fazer 100% de uma vez, quando não dava conta de sustentar, me boicotava e era mais difícil ainda levantar e recomeçar. Quando estabeleci a mentalidade de produzir, focar, comer melhor, treinar e melhorar no mínimo 1% a cada dia conquistei aos poucos uma evolução constante, fiquei e sigo cada vez mais próxima dos meus objetivos.

Hoje em dia, encaro os meus desafios de forma mais verdadeira e congruente:

  1. Se cair, não paro e continuo.

  2. 1% melhor a cada dia

  3. Flexibilidade é tão importante quando determinação

  4. Faça ajustes necessários no meio do caminho se for o caso

O prazer de ver os resultados das minhas ações é muito gratificante. A sensação de obedecer a si mesma, colher o que você plantou traz calma e equilibra a energia interna.

Desejo para você que hoje seja 1% melhor que ontem e que você se lembre de levantar, sacudir a poeira e retomar seus planos toda vez que escorregar, patinar e/ou cair no mesmo buraco.

Dani.

0 visualização
Inscreva-se para receber conteúdos e novidades!